REVIFÉ é revivendo com fé!


Deixe um comentário

Japoneses criam técnica que detecta câncer com precisão de 90%


Nova técnica é feita com pequena amostra de sangue e tem precisão bem maior que os exames existentes.

Pesquisadores do fabricante tecnológico Renatech, em parceria com o Instituto de Pesquisa do Câncer nas províncias de Chiba e de Kanagawa, no leste de Tóquio, desenvolveram um teste sanguíneo para detectar câncer e identificar o tipo de tumor com uma precisão de quase 90%, índice superior ao atual para achar marcadores de tumores cancerígenos de próstata e de cólon e do reto, informou neste domingo (19) o jornal japonês ‘Asahi’.

O método revolucionário tem como base uma máquina de produção de semicondutores. Com ela, os pesquisadores desenvolveram um equipamento capaz de medir oligoelementos no sangue.

A nova técnica requer só uma pequena amostra de sangue, o que alivia a carga física dos pacientes em relação a outro teste, e consiste na medição e comparação dos níveis de 17 tipos de oligoelementos no plasma sanguíneo, como sódio, ferro e zinco, cuja concentração varia segundo o tipo de carcinoma, explica o jornal japonês, segundo a agência de notícias ‘EFE’.

Utilizando o dispositivo, os cientistas analisaram o soro de 960 pacientes com câncer de pâncreas, próstata, cólon e do reto, mama e útero, assim como o de 550 indivíduos saudáveis, conseguindo identificar o tipo de tumor com uma precisão próxima a 90%.

Este índice de acerto é maior que o dos métodos existentes para detectar marcadores de tumores de próstata e cólon, entre 25% e 50%, disseram os pesquisadores, que esperam que o novo método ajude além disso a melhorar a detecção de carcinomas uterinos, de mama e pâncreas, para os quais não se têm estabelecido ainda marcadores definitivos, o que complica a sua descoberta.

Além dos tipos de câncer anteriormente citados, a equipe de cientistas está fazendo pesquisas com cânceres de estômago, pulmão, ovário e de outros tipos, com o objetivo de que o método seja capaz de detectar no futuro de oito a dez carcinomas.

Os pesquisadores esperam obter a aprovação correspondente das autoridades para comercializar o novo dispositivo médico em 2019, “após realizar testes em mais pacientes (…) e fazer testes clínicos”, segundo o diretor do centro de pesquisa em Chiba, Hiroki Nagase, ao jornal japonês.

Com Agência EFE / Via Jornal Asahi.

 

 

Anúncios


Deixe um comentário

22 anos do Revifé


Venham celebrar conosco!

Momento de gratidão ao Senhor pelos 22 anos declarando que “Câncer não é uma sentença, é apenas uma palavra!”

22 anos de vida e vida em abundância em Cristo Jesus 🙏🏻

Dia 19 de novembro às 19h na Igreja de Nova Vida do Recreio dos Bandeirantes.

Pedimos sua participação, se possível, doando um panetone para doarmos na nossa quarta Ação e Doação no Hospital Mário Kröeff em dezembro!

Uma celebração, uma festa de gratidão ao Senhor por tudo que Ele nos tem permitido realizar 🙏🏻


Deixe um comentário

A criadora da campanha “Laço Rosa”


Evelyn Lauder, vice-presidente da empresa de cosméticos Estée Lauder e impulsionadora da luta contra o câncer de mama, morreu nesta data, há 6 anos, 13/11/11, em sua casa de Manhattan aos 75 anos, informou “The New York Times”.

Nascida em 1936 em Viena como Evelyn Hausner, sua família teve que fugir da capital austríaca quando Hitler anexou o país em 1938.

Em 1940, a família se mudou para Nova York, cidade na qual Evelyn se casou em 1959 com Leonard A. Lauder, filho de Estée, e passou a integrar-se na família, proprietária então de uma pequena empresa.

De seu casamento com Leonard teve dois filhos, William e Gary.

Em 1989 foi-lhe diagnosticado um câncer de mama e, apesar de se negar sempre a comentar a evolução de seu caso, começou a partir de então a desenvolver uma intensa atividade internacional para lutar contra a doença.

Criou a campanha do laço rosa, reconhecido a partir de então como símbolo da luta contra este mal e, em 1993, abriu a Fundação para a Pesquisa sobre o Câncer de Mama, com a qual arrecadou uma quantidade que o jornal nova-iorquino estima em cerca de US$ 350 milhões.

Em 2007 lhe foi diagnosticado outro câncer, desta vez de ovários, que foi o que, finalmente, lhe causou a morte.


Deixe um comentário

Outubro Rosa em Roraima 


Estivemos participando da cerimônia de posse da coordenadora municipal do PRB de Rorainópolis em Roraima, 5/11, onde realizamos uma palestra sobre prevenção ao câncer de mama e sobre a vida que existe durante e após o câncer. 


Deixe um comentário

Novembro Azul e Branco


NOVEMBRO: Saímos do Outubro Rosa e agora entramos no Novembro Azul, e existe o Novembro Branco também, vc sabia? * Novembro Azul: O câncer de próstata é o tumor mais frequente em homens no Brasil, compromete um em cada seis acima dos 50 anos. Representa cerca de 70.000 novos casos e 14.000 mortes por ano. O diagnóstico precoce é importante para se alcançar a cura e é feito através de rastreamento anual após os 50 anos de idade, através do toque retal e do PSA dosado no sangue. * NOVEMBRO BRANCO: Também é o mês de conscientização do câncer de Pulmão! O câncer de pulmão é a neoplasia que mais mata no Brasil e no mundo, sendo responsável por uma a cada cinco mortes relacionadas a doença. Cerca de 85% dos pacientes com esse diagnóstico, são ou foram tabagistas. Essa campanha é fundamental para alertar a sociedade para prevenção e combate à doença. Ações específicas para diagnóstico da doença, precisam ser incorporadas para que os resultados relacionados a essa doença sejam mudados.


Deixe um comentário

Brasil está entre países com maior incidência de câncer de pênis


Não existe um ranking oficial, mas o Brasil está entre os países com maior incidência de câncer de pênis no mundo, de acordo com levantamento da Sociedade Brasileira de Urologia (SBU). Estima-se que mais de 3.000 pessoas sofram da doença e que, todos os anos, 1.000 tenham o pênis parcial ou totalmente amputado só na […]

Não existe um ranking oficial, mas o Brasil está entre os países com maior incidência de câncer de pênis no mundo, de acordo com levantamento da Sociedade Brasileira de Urologia (SBU). Estima-se que mais de 3.000 pessoas sofram da doença e que, todos os anos, 1.000 tenham o pênis parcial ou totalmente amputado só na rede pública, segundo informações do Banco de Dados do Sistema Único de Saúde (Data-SUS). Além do Brasil, entre os mais afetados pela doença estão Índia (dos poucos países com taxa conhecida, 3,32 casos para cada 100.000 habitantes), Egito, Quênia, Uganda e Paraguai. Entre os que menos sofrem estão os Estados Unidos, com 0,2 casos a cada 100.000 habitantes, e Israel, com incidência zero.

“A estatística de Israel é beneficiada pela prática da circuncisão, que elimina a fimose – quando a cabeça do pênis é coberta por pele -, uma das causas do câncer”, explica Aguinaldo Nardi, coordenador de campanhas públicas da SBU. Outras causas do tumor são o tabagismo, doenças sexualmente transmissíveis (DST), e a falta de higiene. “Esta é uma doença dos países subdesenvolvidos”, diz Nardi. A maior ocorrência no Brasil está no Norte e no Nordeste. Segundo Nardi, falta nessas regiões a consciência de que é preciso lavar o órgão genital todos os dias, com água e sabão, e que é preciso procurar um médico em caso de lesão. Toda lesão deve ser examinada, principalmente a que não desaparece.
Mas São Paulo aparece no topo do ranking que a SBU traçou em 2007. A lista foi elaborada a partir dos cerca de 200 casos detectados durante a primeira campanha contra o mal. São Paulo respondia por 24,26% dos casos porque, além de ser o estado mais populoso, boa parte das cirurgias envolvem pacientes de outras localidades. Na lista, o Ceará está em segundo (12,87%), o Maranhão em terceiro (10,66%), Rio de Janeiro em quarto (9,19%), seguido por Pará (6,99%), Pernambuco e Minas Gerais (5,88% cada um), Goiás (3,68%), Alagoas e Tocantins (3,31%).
Para frear o avanço da doença, a SBU está promovendo sua segunda campanha, com a participação do ex-jogador e treinador de futebol Zico. 
Na web, é possível ver o vídeo no site da associação. Nesta edição da campanha, a entidade realizou 309 cirurgias de fimose no Norte e Nordeste.


Deixe um comentário

Presidente do Revifé participa de Workshop beneficente 


RIO – No mês mundial de conscientização sobre o câncer de mama, um workshop beneficente levou informação e solidariedade em prol do Hospital Mário Kröeff. Organizado pela primeira-dama do Rio, Sylvia Jane Crivella, o evento ocorreu ontem e teve a participação de cerca de cem pessoas. Elas assistiram palestras de cinco especialistas sobre a prevenção e o tratamento do câncer, e também aprenderam sobre a importância da alimentação saudável e de atitudes positivas para evitar a doença. Na ocasião foram arrecadados R$ 4 mil e 150 pacotes de fraldas geriátricas doados pelos participantes.Iniciando o ciclo de palestras, a dra. Kátia Fernandes, diretora técnica do Hospital Mário Kröeff, especializada em Oncologia Clínica, falou sobre prevenção de câncer de mama, alertou para a necessidade da realização do exame de mamografoa a partir dos 40 anos e explicou a importância do autoexame de mamas. Em seguida, foi a vez da dra. Sandra Gioia, vice-presidente da Sociedade Brasileira de Mastologia e também médica do Instituto Nacional de Câncer (Inca) falar sobre o acesso ao tratamento do câncer de mama, defendendo mais agilidade no atendimento aos pacientes da rede pública, desde o diagnóstico até os procedimentos para a cura. Dando continuidade, a psicoterapeuta e presidente da Revifé, Sandra de Andrade, contou sua experiência pessoal falando sobre o tema “Existe vida após um câncer”. Em seguida, a médica pós-graduada em Nutrologia, Rachel Furtado Moreira, coach de saúde e criadora do treinamento “Alimentação 180º”, ensinou sobre mitos e verdades em relação aos alimentos que trazem saúde. Para fechar o workshop, a life coach Jacqueline Abreu, que também é idealizadora do projeto “Nascidas para transformar”, fez uma palestra motivacional intitulada “Mulher PodeRosa”.


Deixe um comentário

#OutubroRosa – Evento Beneficente


Em comemoração ao Outubro Rosa, mês mundial de conscientização sobre o câncer de mama, considerado o mais comum entre as mulheres, a primeira-dama do Rio, Sylvia Jane Crivella, reúne amanhã, sábado (29), cinco especialistas para um workshop beneficente em prol do Hospital Mário Kroeff. As palestrantes irão orientar sobre a doença e o tratamento, além de falar sobre alimentação saudável e a transformação feminina. O encontro, com almoço incluído, será no Copacabana Praia Hotel, das 9h às 16h30.
Pela manhã, a dra. Kátia Fernandes, diretora técnica do Hospital Mário Kröeff, especializada em Oncologia Clínica, falará sobre prevenção de câncer de mama. Em seguida, a dra. Sandra Gioia, vice-presidente da Sociedade Brasileira de Mastologia, fará palestra sobre o acesso ao tratamento do câncer de mama. Logo depois, será a vez da psicoterapeuta e presidente do Revifé, Sandra de Andrade, com o tema “Existe vida após um câncer”.

Matéria completa:

http://www.srzd.com/geral/primeira-dama-sylvia-crivella-reune-especialistas-para-workshop-beneficente-em-prol-do-hospital-mario-kroeff/amp/ 

#revife #revifeemacao #revifeemcampanhapermanente #revifenooutubrorosa